Notícias

Mal súbito: causas e prevenções do problema que tirou a vida de Mila Moreira

O Brasil inteiro recebeu com muita tristeza a notícia do falecimento da atriz e ex-modelo Mila Moreira que aconteceu durante a madrugada desta segunda(6). Mila estava internada no Hospital CopaStar que fica localizado no Rio de Janeiro. De acordo com colunista colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, Mila passava o fim de semana com amigos em Paraty quando começou a passar mal.

Ela então foi levada para o hospital onde veio a falecer nesta segunda. A princípio, não houve divulgação do motivo da morte mas a amiga da atriz, Lília Cabral acabou revelando em uma publicação no Instagram que Mila teve um mal súbito. Inúmero fãs ficaram sem entender o que é o mal súbito. Após isso reportagem do O Globo confirmou que Mila teve uma parada cardíaca.

O termo não é algo usado na área médica mas é muito usado por leigos para designar uma morte súbita como por exemplo quando há um ataque cardíaco fulminante. Entretanto, mesmo nessas situações o corpo dá sinais antes deste “mal súbito” acontecer de fato.

Os sintomas que são mais frequentes nestes casos são intensa dor no peito que normalmente causam excesso de suor, vômito e uma sensação intensa de mal-estar. Infelizmente, em muitos casos, ao chegar neste estágio pode ser difícil ter tempo hábil para remediar a situação.

A melhor maneira de evitar casos de morte súbita é fazer acompanhamento médico regular, ter um controle rígido sobre sua pressão arterial e manter um estilo de vida saudável com alimentação balanceada e exercícios regulares.

A atriz Mila será cremada em cerimônia íntima no Memorial do Carmo no Rio de Janeiro.


Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.