Notícias

Filho de Eliza Samudio e Bruno, quebra o silêncio e decide falar toda a verdade sobre o pai, e o que diz deixa todos chocados

Aos 11 anos, Bruninho Samudio tem uma biografia digna de um thriller psicológico, desses que Hollywood adoraria filmar. A mãe, Eliza Samudio, foi morta pelo pai, o goleiro Bruno Fernandes, segundo testemunhas, na presença dele.

Passada mais de uma década de um crime que ainda não foi totalmente esclarecido (o corpo da modelo até hoje não apareceu), o garoto que vive em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, tenta ter a infância que qualquer menino de sua idade teria. Não fosse pelo fato de agora querer saber mais sobre seu passado e confrontá-lo.

“Dia desses, ele me questionou sobre a morte da mãe porque se sente culpado pelo crime. Nunca tinha visto ele se revoltar ou ficar tão abalado. Vi meu neto socar o colchão dele com força… Disse que ele não é culpado de nada.

O único culpado nessa história é o pai”, narra Sônia Moura, mãe de Eliza, que cria o neto desde o desaparecimento da filha: “Pela primeira vez ele manifestou a vontade de conhecer Bruno. Mas diz que esse dia só vai chegar quando puder estar na mesma altura que ele, para olhá-lo nos olhos”.


Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.