Notícias

Bebê roubada do ventre de gravida chegou ao hospital com profundos cortes causados por estilete

O bebê roubado no ventre da mãe, na grande Florianópolis, teve diversos ferimentos nas costas, que foram causados pelo estileto usado para abrir a barriga da gravida de onde o bebê foi roubado, e segundo informações do hospital o bebê passa bem.

A bebê foi levada para o hospital infantil Joana de Gusmão, que fica localizado na capital Catarinense nesta seta-feira (28/08), onde após os primeiros atendimentos ela foi medicada com antibióticos e remédios para aliviar a dor causada pelas lesões.

A mãe da criança estava gravida de 36 semanas, e estava desaparecida desde desde a quinta-feira (27/08), e só foi encontrada no dia seguinte em uma fabrica de cerâmica em Canelinha, cidade que fica próxima onde a vitima e a autora do crime moravam.

Em depoimento a policia a autora do crime disse que, o crime foi planejado durante 2 messes, e que tudo foi feito com o objetivo dela ficar com a criança. Segundo ela tudo isso só feito porque ela sofreu um aborto no inicio do ano, e então fingiu que ainda estava gravida e até que o bebê da vitima (Flavia) chegasse perto da ultima semana de gestação, ela ficou organizando todos os detalhes do crime e de como arrancaria o bebê de dentro da barriga da gravida.

A autora desse terrível crime disse que, escolheu a Flavia para ser a vitima do crime porque elas eram amigas desde a escola e por terem a gravidez em um período parecido.

O corpo de Flavia foi localizado pelo marido e pela mãe, e até o momento não é possível saber se o bebê foi arrancado no momento que a vitima ainda estava viva ou quando ela já tinha ido a óbito.

A autora do crime disse a policia que, usou um tijolo para matar a amiga, após atrair a vitima até um local, onde ela disse que, estava acontecendo um chá de bebê surpresa para a vitima, mas tudo era parte do de uma das partes do crime.


Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.