Notícias

Após 11 anos, caso Eliza Samudio tem grande revira-volta e mistério na morte da modelo pode ser desvendado

O caso que chocou o Brasil e após 11 anos ganha novas atualizações judiciais, foi a morte da modelo Eliza Samudio que tinha um filho com o ex-goleiro Bruno. O sequestro e morte da modelo, ainda tem muita coisa para ser esclarecido pela justiça.

Nessa semana com a notícia do julgamento de um dos acusados do crime, familiares e pessoas que conheceram a história de Eliza voltam a reviver ver cenas de todo o processo, após 11 anos que até agora a família ainda não encontrou os restos mortais dela.

A justiça de Minas Gerais anunciou na noite desta terça-feira, que dará início ao julgamento de um dos acusados de ter participado no sequestro da modelo na ocasião. Zezé como é conhecido, é acusado de participar do sequestro e ter envolvimento no plano que foi executado na época.

O ex-policial será julgado pelo crime que os seus companheiros já foram condenados, como aconteceu com o goleiro Bruno que está cumprindo a sua Pena em regime aberto.

Mesmo após tantos anos do acontecimento, a justiça ainda busca esclarecer algumas perguntas que ficaram em aberto nesse caso chocante que parou o Brasil. Isso porque até o momento, ninguém sabe o paradeiro que se deu o corpo de Eliza Samudio.

Na época do crime, o goleiro Bruno estava no auge da sua carreira e se recusava a pagar pensão para modelo, foi quando ele junto com Zezé e Macarrão elaboraram o plano  a mando de Bruno que terminou com a morte da modelo.

Na ocasião, todos puderam ver e se desesperar com cada revelação que o caso ganhou durante os julgamentos e as provas que a polícia havia encontrado com os acusados.

Com início do julgamento do ex-policial, novas revelações devem acontecer nos próximos dias e responder algumas dúvidas que ainda entristecem familiares e amigos que não tiveram nem a chance de se despedir da modelo.


Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.